Defis realiza fiscalização nos hospitais da capital

Luana Ogiwara
Crefito 9

Visando garantir o cumprimento da Lei Estadual nº 11.223/2020 que dispõe sobre a permanência do profissional fisioterapeuta nos Centros de Terapia Intensiva – CTIs, adulta e pediátrica. A Lei foi publicada em 09 de Outubro de 2020, onde tornou obrigatória a presença de no mínimo um fisioterapeuta para cada 10 (dez) leitos nos Centros de Terapia Intensiva (CTIs)- Adulto de hospitais e clinicas publicas ou privadas, nos turnos matutino, vespertino e noturno, perfazendo um total de 24h ininterruptos.

O Departamento de Fiscalização (Defis) do Crefito9 desde Setembro adotou como estratégia visitas noturnas nos hospitais da capital e do interior visando o cumprimento da lei estadual n° 11.223/2020, de acordo com a escala de plantão, garantindo a quantidade mínima de profissionais exigida.
O Defis realizou na última sexta-feira (17)de Dezembro, uma série de blitz noturnas nos serviços de terapias intensivas (UTIs) adulta e pediátrica no Hospital Metropolitano e Hospital Geral, ambos localizados na capital.
Conforme avaliação do departamento há um entendimento de que muitos temos que evoluir na gestão de leitos, na adoção de parâmetros para a eleição de pacientes e fisioterapias e a criação de indicadores de qualidade da assistência, visando garantir a excelência nos serviços, porém a lei já tem trazido avanços muito positivos aos serviços.


Voltar
Portal Transparência
Boletim Informativo Cartilha de Controle Social Estágio Não Obrigatório De carona com o fiscal

AGENDA DE EVENTOS

MAIS EVENTOS >

O Crefito-9 é mero divulgador do conteúdo publicado aqui: não nos restando responsabilidade, compromisso ou parceria com as publicações.

ENQUETE

Onde você gostaria que o Crefito-9 investisse sua anuidade de 2021?

Abertura de novas subsedes

Educação continuada e capacitações

Benefícios

Novos projetos

Tecnologia

CAMPANHAS E SERVIÇOS DO COFFITO

Transparência Fale Conosco Ouvidoria
Copyright © 2019 CREFITO-9 - CONSELHO REGIONAL DE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL DA 9ª REGIÃO